Seja benvindo, ao sair, não me esqueça, volte sempre.

segunda-feira, 4 de maio de 2015

A Terra está Sofrendo




11/4/2002

Autor: Élys Vianna

Percorrendo o espaço sideral
a Terra está,  a caminhar,
em sua órbita em torno do Sol,
cumprindo a sua missão,
de a todos abrigar.

Há milênios vem girando,
mantendo relevante missão.
é a morada de muitas vidas,
nascidas pela vontade
da Vida Maior da criação.

Planeta de bonitas florestas,
de rios e mares em profusão;
de uma fauna diversificada,
de uma humanidade, por Deus criada,
para a tudo dar proteção.
                                                                          
O homem, porém, descuidado,
não conseguiu, assim, entender,
e em nome do progresso,
desmatou, poluiu a natureza...
ficou difícil, viver...

Se esta situação não mudar,
se assim, permanecer;
como será o futuro,
  das crianças, dos índios e dos animais,
se ninguém os proteger? ...

O tempo passa depressa.
essas coisas não podem acontecer.
é preciso que todos se conscientizem,
para que a Terra não continue a sofrer.

18 comentários:

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Nunca é demais alertarmos para a necessidade urgente de termos outra atitude para com a nossa casa o planeta Terra.
Um abraço e uma boa semana.

✿ chica disse...

Triste constatação essa e que a conscientização aconteça! abração,chica

ania disse...

Importante alerta vc faz, Élys...existe uma preemente mudança de atitude para que nosso planeta sobreviva! Uma abençoada semana prá vc! abraços, ania..

Clara Lucia disse...

A nossa amada Terra está passando por transformações não tão boas.
Mas a culpa acaba sendo do homem que não tem educação em conservar sua casa. Infelizmente todos paragão por alguns.
Uma ótima semana, Élys
Beijos

Mirtes Stolze. disse...

Boa tarde Élys.
Um belo texto de alerta, a terra precisa ser melhor preservada, precisa sofrer menos para que no futuro seja melhor. Uma linda semana.
Beijos.

Roselia Bezerra disse...

Olá, querido amigo Élys
Saudade de passar por aqui e, estando entre netinhos e bisa, tudo fica mais difícil...
Agradeço a sua participação no Cantinho Espiritual do Leitor...
Seja abençoado e feliz!!!
Bjs fraternais

Lau Milesi disse...

Olá Élys!!
Um poema lindo!!
E providencial, a terra pede mesmo socorro.
O planeta vem clamando por carinho,respeito e cuidados.
Belo post!
Um beijo amigo.

Gigliola Rizzo disse...

Letras que invitan a reflexionar... debemos apreciar más nuestro planeta, futuro de los que vendrán.
Feliz semana Élys, cariños.

http://bajolalupadegiglio.blogspot.com/

Vera Lúcia disse...

Olá Élys,

Belo poema de alerta.
Incrível como o ser humano consegue destruir o seu próprio habitat e ainda de uma maneira egoísta quando não pensa no futuro daqueles que ainda têm muito a viver.

Abraço.

A Casa Madeira disse...

Belas palavras.
Pelos arredores é uma verdadeira briga pela preservação; as vezes
não sei onde tudo isso vai parar. Tem jente que não se conscientiza mesmo e não adianta insistir.
Bom começo de maio.
Janicce.

Kellen Bittencourt ( Trilhamarupiara) disse...

Olá querido amigo, concordo com vc, a terra está sofrendo muito e nós estamos subestimando esse sofrimento! Bom voltar aqui! Abraço grande!

lia disse...

Oi amigo gostei muito de tua poesia , que vem ao encontro de um tema que postei hoje no meu: desbravamento da Amazônia pelo Marechal Rondon...O necessário do progresso, o desnecessário nos abusos...e a natureza sofrendo.
Vou te esperar ... Abraço carinhoso.

Mirtes Stolze. disse...

Boa noite Élys.
Passando para agradecer pela força e desejar uma linda quinta-feria cheia de alegrias. Abraços.

São disse...

Chamam primitivos aos povos que respeitam a natureza e civilizados aos que a destroem : este é o maior dos paradoxos!!

Grande abraço

Graça Pereira disse...

A Terra sofre...e ninguém se compadece! Um poema maravilhoso que espelha esta triste realidade.... quando derem por ela, será tarde demais!
Um beijo e parabéns.
Graça

Bergilde disse...

Oi Élys,
A tua mensagem é mesmo tocante,profunda e cheia de reflexão.A vida humana depende da Natureza para continuar existindo e enquanto as pessoas não entenderem e praticarem coletivamente o verdadeiro respeito ao meio ambiente nunca será o bastante esse grito de alerta.Lindo poema,abraço fraterno e bom fim de semana outra vez retornando aqui!

dilita disse...

Olá Élys

Muito graciosas estas rimas, e muito pertinente o tema escolhido.
Os Países ditos evoluídos são os principais responsáveis. E os menos também "embarcam" na destruição. Como já vivi muitos anos, lembro-me bem do quanto o Planeta era diferente. Todo o tempo da Primavera, era suave, morninho, no ar havia um odôr característico, diziam cheira a Primavera... agora está frio, chove, vento forte... E as praias, o mar a investir levando as areias - isto são avisos, para quem quer reparar neles...
Parabéns pela sua poesia. Gostei!

Grata pela presença no meu Birras.
Voltarei. Abraço.
Dilita

Maria Rodrigues disse...

Uma dura realidade tão bem expressa neste magnifico poema.
Bom fim de semana
Beijinhos
Maria

Postar um comentário

A sua visita me faz feliz.
Deixe um comentário, aqui ou se preferir,
vá ao livro de visitas (Guest Book), no alto do Blog.
Ficarei muito grato.