Seja benvindo, ao sair, não me esqueça, volte sempre.

Livro de Visitas - Clique na imagem e deixe um recado

Guestbook ou faça um comentário em uma das postagens.

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Frases que eu escrevi - I


1-A esperança  é a luz que ilumina o caminho. A fé,  a força da realização.


2-Se quer a felicidade encontrar busque o amor semear.


3-A amizade é a base de todo sentimento puro.


4-Cuidar da natureza é cuidar da própria vida.


5-Nunca deixe de sonhar se um objetivo deseja alcançar.

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Evoluindo


Somos partículas divinas e trazemos em nós os atributos de Deus em estado latente.Vidas e mais vidas vivenciamos para desenvolver esses atributos e nos aproximarmos, cada vez mais da frequência vibratória da centelha divina que habita o âmago de nosso ser. O dia que a sintonia for perfeita então poderemos dizer: Já não sou eu que vivo é o Pai que vive em mim.

Somos totalmente responsáveis por tudo que nos acontece, pois conforme vibramos energeticamente, nos unimos a vibrações de igual teor; sejam positivas ou negativas.
Não estamos abandonados, somos protegidos de diversas formas, inclusive pela intuição, mas nunca há interferência em nosso livre arbítrio.

 Comentário que fiz no blog:
 Vale do Sol Encantado da  amiga Isa Mar
em sua postagem de 31/10/2011- Deus.

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

As Nuvens Passam



13/10/2011

Autor: Élys Vianna


Chove!...
A terra molhada
se prepara para germinar...
As nuvens cumprem o seu papel:
querem a natureza equilibrar.

Chove!...
 O ar se purifica,
a água retorna,
Os  mananciais se enriquecem,
o planeta, ternamente, agradece.

Chove !...
Os rios felizes
correm pelas planícies...
contornam os obstáculos
para o objetivo alcançar:
o terno encontro com o mar....

As nuvens passam...
o Sol aparece...
Os seus raios aquecem a Terra...
No jardim a rosa floresce.





segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Em Busca do jardim


25/10/2011
Autor: Élys Vianna


Lá na frente, existe um belo jardim.
Um dia, lá estarei... Vou bem devagar.
A estrada é muito irregular, estreita...
Vez por outra, tropeço, caio, mas consigo me levantar.
O jardim  é um pouco distante, há muito  estou caminhando...
Não desisto e não troco de caminho,  pois o que é mais largo, 
mais fácil de caminhar,  não vai me levar para o jardim.
Um dia,  eu  vou chegar... Quero desfrutar de toda a sua beleza...
São pássaros cantando, peixes felizes no lago nadando, as pessoas
de mãos dadas sorrindo... Em todo espaço  uma doce e terna melodia...
Vou andando passo a passo, fazendo minha oração,  pedindo a Deus, 
ternamente, para que toda a humanidade, não se desvie; mantenha 
as mãos dadas e num clima de fraternidade,  siga em frente...
Assim,  certamente, um dia  no  jardim, todos,  vão  chegar.




quarta-feira, 2 de novembro de 2011

O Voo da Águia

Autor: Élys Vianna

Céu azul...
Uma águia voando,
seus olhos penetrantes,
a tudo observa.

Planando o seu vôo,
busca, entender;
o que acontece
com a natureza?...

 Rios, poluídos...
Animais, em extinção...
 Matas, derrubadas...

Por que tanta destruição?...

A águia,
busca uma resposta:
Será que a culpa é do homem,
que não respeita a natureza?...

É provável que assim seja,
mas é preciso mudar.
A humanidade precisa entender,
que a Terra
é a nossa morada,
o nosso lar.